Europeu de Ralis de 2022 terá o seu ponto de partida em Fafe

O Conselho Mundial da FIA (Federação Internacional do Automóvel) já confirmou o calendário da próxima época do ERC (Campeonato da Europa de Ralis) e o rali organizado pelo Demoporto (Clube de Desportos Motorizados do Porto), a 12 e 13 de Março, será o primeiro de oito eventos da competição em que o WRC Promoter sucede agora ao Eurosport Events como promotor.

A 35ª edição da prova realizada sob a égide do clube portuense, pelo terceiro ano consecutivo integrada no ERC, regressa em 2022 ao seu mês tradicional (Março) e manterá o centro nevrálgico em Fafe - a catedral dos ralis portugueses... cujas classificativas em piso de terra são há muito consideradas das mais emblemáticas do mundo, abrangendo ainda os concelhos de Felgueiras, a Serra da Cabreira e ainda Boticas.

"O formato da edição 2022 não vai apresentar novidades muito significativas, quer a nível do percurso quer mesmo do horário, sendo certo também que, desportivamente, o rali voltará a ser realizado em dois dias, sábado e domingo", assegura Carlos Cruz, presidente do Demoporto e homem forte da organização que já tem praticamente delineada a estrutura base da prova de abertura do Europeu.

A entrada em cena no ERC da empresa que também é detentora dos direitos de promoção do Campeonato do Mundo de Ralis vai aproximar, em termos mediáticos, os dois campeonatos, designadamente a nível de transmissões televisivas, já que a plataforma de streaming WRC+ passa a disponibilizar um conjunto alargado de transmissões "pay per view". À semelhança do que sucede no WRC, em 2022 todas as classificativas de cada rali do ERC vão ser transmitidas em direto, num serviço da experiente equipa do WRC+ que levará até aos apaixonados dos ralis entrevistas, histórias, imagens do interior dos carros e muita informação.

A "fórmula" da Power Stage adoptada há vários anos no WRC, sendo a classificativa de encerramento do rali com transmissão televisiva a nível internacional (e na WRC+) e os cinco pilotos mais rápidos da classe principal (ERC1) a somarem pontos extra no campeonato (5-4-3-2-1), passa a vigorar também no ERC, com estreia agendada para o rali do Demoporto.

Crie o seu site grátis!